Oficina de Narrativas com Cremilda Medina

R$ 250,00

ESGOTADO!

Quer participar da próxima edição? Mande uma mensagem para cursos@portaldoenvelhecimento.com.br

 

 

Descontos:

Para alunos e ex-alunos da ECA (USP) – 30% de desconto (entrar em contato: cursos@portaldoenvelhecimento.com.br)

Depósito bancário: 10% de desconto (entrar em contato: cursos@portaldoenvelhecimento.com.br)

 

Datas: Terças-feiras:

04/06

11/06

18/06

Horário: 14h às 17h
Carga horária: 9 horas (3 encontros de 3 horas)

 

PRIMEIRA UNIDADE:

Como construir histórias do protagonismo social.
Complexidade informativa:
– O protagonista e o contexto coletivo;
– Raízes histórico-culturais;
– Diagnósticos e prognósticos de especialistas.

Laboratório de leitura cultural:
Conto da escritora portuguesa Teolinda Gersão “As tardes de um viúvo aposentado” (do livro A mulher que prendeu a chuva, Lisboa, Sudoesta Editora,2007).

 

SEGUNDA UNIDADE

Possibilidades da estrutura narrativa, inspiradas na captação do
REAL e editadas pela criatividade do AUTOR:
– Linearidade no tempo e contiguidade nos espaços;
– Ruptura da linearidade temporal;
– Tempos e espaços alternados; tempo e espaço do imaginário;
– Cenas, ação; alternância com sinopses informativas.
– Oratura e literatura nos diálogos.

Laboratório : a representação da oralidade: Texto experimental de Cremilda Medina do livro A arte de tecer o presente, narrativa e cotidiano, São Paulo, Summus Editorial, 2003.

 

TERCEIRA UNIDADE

A arte de criar narradores:
– Distinção entre AUTOR e NARRADOR;
– A superação da pessoa verbal declaratória para a fluência expressiva;
– Pluralidade de narradores ou a democratização da voz autoritária do autor.

Laboratório: experimento de narradores múltiplos.

Fora de estoque

Comparar
Categoria:

Descrição

 

MOMENTOS PEDAGÓGICOS NAS TRÊS UNIDADES:

1. Proposição da temática;
2. Laboratório;
3. Discussão e sistematização da unidade.

 

Datas
Terças-feiras:

 

04/06

11/06

18/06

 

Horário: 14h às 17h
Carga horária total: 9 horas

 

Docente

Cremilda Medina

Jornalista, pesquisadora e professora titular sênior da Universidade de São Paulo (USP). Atua na formação de mestres, doutores e pós-doutores no Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação (PPGCOM) e no Programa de Pós-Graduação em Integração da América Latina (Prolam), ambos da USP. Seu trabalho como educadora traz para a Comunicação Social e para o Jornalismo os desafios paradigmáticos do Saber Plural; a perspectiva do ato presencial, da abertura à complexidade, do signo da relação e da pedagogia dos afetos; e o eixo central do Diálogo Social, principalmente, na teoria e prática da reportagem (narrativas da contemporaneidade). É líder do grupo de pesquisa “Epistemologia do Diálogo Social” (epistemologiadodialogosocial.wordpress.com).

 

Vagas
Máxima: 15 pessoas

 

Certificado será encaminhado após a conclusão do curso

 

Local:

Espaço Longeviver: Avenida Pedro Severino Junior, 366 – Sala 166 – Vila Guarani

Próximo ao metrô Conceição – Saída D – linha azul

 

Contato

cursos@portaldoenvelhecimento.com.br

 

Referências Bibliográficas

BAKHTIN, Mikhail. Marxismo e filosofia da linguagem. São Paulo, Hucitec, 1977.
BUBER, Martin. Do diálogo e do dialógico. São Paulo, Perspectiva, 1982.
DAMÁSIO, António. A estranha ordem das coisas. A vida, os sentimentos e as cultura humanas. São Paulo, Cia. das Letras, 2018.
MEDINA, Cremilda. A arte de tecer afetos, Signo da Relação 2, Cotidianos. São Paulo, edições Casa da Serra, 2018.

———–Ato presencial, mistério e transformação. São Paulo, edições Casa da Serra, 2016.
—————Atravessagem, reflexos e reflexões na memória de repórter. São Paulo, Summus Editorial, 2014.
—————-A arte de tecer o presente, narrativa e cotidiano. São Paulo, Summus Editorial, 2003.
—————-Entrevista, o diálogo possível. São Paulo, Editora Ática, 1990, 2ª.edição.
RIO, João do. A alma encantadora das ruas. Organização Raul Antelo. São Paulo, Cia. das Letras, 1997.
RESTREPO, Luis Carlos. Direito à ternura. Petrópolis, Vozes, 1998.
TRINCA, Walter. Viagem ao coração do mundo, a apreensão da imaterialidade. São Paulo, Vetor Editora, 2014.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Apenas clientes logados que compraram este produto podem deixar uma avaliação.